24/04/15

MPRN realiza capacitação para combate à corrupção e lavagem de dinheiro

Ministério Público do Estado do Rio Grande promove, de 27 a 30 de abril, na Procuradoria Geral de Justiça, através do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (CEAF), o Programa Nacional de Capacitação e Treinamento para o Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro.

O promotor de justiça coordenador do CEAF, André Mauro Lacerda Azevedo, acredita que a capacitação será um grande evento. Um momento de troca de experiências e conhecimentos. “O MPRN mostra mais uma vez competência em organizar um evento desse porte, que reunirá cerca de 300 pessoas em quatro dias.”

O evento é viabilizado pela Secretaria Nacional de Justiça e Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI), em parceria com o MPRN. A capacitação ofereceu 200 vagas aos membros e servidores do MPRN, Juízes, Policiais, Analistas (CGU, TCU, RFB), Advogados-Gerais da União, Defensores Públicos, dentre outros.

Por Alderi Dantas, 24/04/2015 às 17:15

21/04/15

Deputados do RN empossados em fevereiro já gastaram R$ 357 mil com cotas

A Câmara dos Deputados divulgou nesta quinta-feira (21) o balanço dos gastos dos deputados federais com a Cota para Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap). Com pouco mais de dois meses de mandato, os oito parlamentares do Rio Grande do Norte gastaram R$ 357.618,54, o que corresponde a um gasto diário superior a R$ 4 mil. O valor é referente ao período de fevereiro, mês em que se iniciaram os mandatos, até o dia 20 de abril.

O deputado Antônio Jácome (PMN) foi quem mais gastou os recursos da Ceap até o momento. Segundo dados divulgados no portal da Câmara, o parlamentar utilizou R$ 82.446,72 desde o início de seu mandato (quadro ao lado).

Dentre os itens que consumiram a maior parte da verba destinada aos parlamentares estão "Divulgação da Atividade Parlamentar" (R$ 82.484,00), "Locação ou Fretamento de Veículos Automotores" (R$ 55.136,64) e "Combustíveis e Lubrificantes" (R$ 42.375,33),

Ceap

A Cota para Exercício de Atividade Parlamentar é um valor destinado ao custeio das despesas que o deputado tem no exercício da atividade parlamentar.

A Ceap unificou a verba indenizatória e as cotas de passagem aérea e postal telefônica em um único valor.

A cota varia de acordo com o estado de origem do deputado. Segundo o portal da Câmara, o limite de gasto dos representantes do Rio Grande do Norte atualmente é de R$ 42.360,13.

Por Alderi Dantas, 21/04/2015 às 20:38

Reitor da UEPB apresenta experiência de autonomia financeira na UERN

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) recebe a visita do reitor da Universidade do Estado da Paraíba (UEPB), na próxima quinta-feira, 23. O professor Rangel Júnior atende convite do reitor Pedro Fernandes para apresentar a experiência da autonomia financeira adotada pela UEPB, em 2004.

O reitor da UEPB vai expor todo o processo de conquista da autonomia ao Conselho Universitário (CONSUNI), que que foi convocado extraordinariamente para debater o tema. No mês passado, o reitor Pedro Fernandes esteve na instituição paraibana e, na ocasião, ouviu relato sobre a autonomia implantada pela UEPB e fez convite ao reitor para vir à UERN. "A autonomia financeira da UERN se configura em nosso grande desafio", reconhece o reitor Pedro Fernandes.

A reunião do CONSUNI será realizada na sala dos Conselhos ( prédio da Reitoria), a partir das 9h.

Por Alderi Dantas, 21/04/2015 às 19:51

Cruz Vermelha abre curso de primeiros socorros no RN

A Cruz Vermelha Brasileira (CVB), no Rio Grande do Norte, dará início, no próximo sábado (25), ao Curso de Primeiros Socorros – Formação Básica de Socorrista.

Qualquer pessoa está apta a realizar técnicas de primeiros socorros, desde que receba capacitação adequada. Com o Departamento de Primeiros Socorros, a Cruz Vermelha difunde conhecimentos na área e auxilia em situações de necessidade.

Os voluntários realizam atividades em instituições e eventos de cunho social, aplicando na prática os conceitos aprendidos em sala quando necessário.

O curso terá duração de 5 sábados.

Para mais informações ligue (84) 3201 6400 ou acesse AQUI.

Por Alderi Dantas, 21/04/2015 às 18:40

20/04/15

Seara divulga edital para contratação temporária de consultores

A Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e Apoio à Reforma Agrária (Seara) publicou edital de Processo Seletivo Simplificado para contratação temporária de dezessete consultores de nível médio e superior. Os currículos poderão ser entregues até o dia 15 de maio.

Os selecionados desenvolverão atividades de suporte a SEARA para a execução de ações e atividades concernentes ao Programa Nacional de Crédito Fundiário, através da realização de levantamentos, acompanhamento, monitoramento, supervisão e gestão administrativa. 

O edital na íntegra pode ser acessado AQUI.

Por Alderi Dantas, 20/04/2015 às 19:20

AABB de Assu: uma luz no fim do túnel

No mês de janeiro, o blog de Alderi Dantas trouxe a público a triste situação de abandono que a Associação Atlética Branco do Brasil (AABB), em Assu (RN), está submetida.

Naquele momento, o blog teve acesso a parte interna da AABB e conferiu de perto o estado de deterioração do local, que já foi um dos pontos de diversão mais glamorosos de Assu, servindo como local de realização de tradicionais bailes da cidade, festas de carnaval e grandes campeonatos esportivos .

Além do lixo tomar conta do lugar, o que mais assustou foram os saques feitos no local, de onde arrancaram todas as janelas, portões e grades de ferro e, ainda, quebraram vidraças e telhado.

O blog anima-se, no entanto, em saber que a situação que parecia irreversível toma outros ares com a abertura do diálogo entre gerência do Banco do Brasil/Assu, Federação das AABB (Fenabb) e uma associação esportiva local e, nos últimos dias, um grupo de voluntários já realizou um mutirão de limpeza no local, acendendo uma luz no fim do túnel para recuperação da AABB de Assu.

Outras novidades - torcendo para que seja as melhores possíveis - sobre o assunto, o blog de Alderi Dantas trará para você. E para acessar as reportagens AABB de Assu: do luxo ao lixo, acesse AQUI e AQUI.



Por Alderi Dantas, 20/04/2015 às 09:50

RN quebra a barreira dos 2GW eólicos e supera grandes potências

O Rio Grande do Norte ultrapassou na semana passada (16/04) a marca de 2 GW de potência eólica instalada em seu território e supera, sozinho, a soma da potência instalada em todos os países da América do Sul, além da produção de países como Grécia, Bélgica e Noruega, com exceção do Brasil, onde a capacidade eólica nacional instalada é de 5.841 MW, de acordo com dados da Aneel.

A conquista foi alcançada com a entrada em operação comercial de 18 unidades geradoras, somando 29.160 MW do parque eólico Morro dos Ventos II, de propriedade da empresa CPFL Renováveis S/A, instalados no município de João Câmara, região do Mato Grande, informa o Cerne (Centro de Estratégias em Recursos Naturais & Energia).

O estado chega a uma potência instalada de 2.020,157 MW. São 1.133 turbinas eólicas distribuídas por 75 usinas em todo o Estado.

Por Alderi Dantas, 20/04/2015 às 07:10

16/04/15

Casas dos idosos de Assu comemoram a Páscoa

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação da prefeitura do Assu reuniu nesta quarta-feira, 15, os idosos assistidos pelas unidades do município num Ato Ecumênico para comemorar a Páscoa. O evento ocorrido na praça Jota Keully contou com a participação do padre Luiz Alípio, da Paróquia da Beata Lindalva e São Cristovão e do Pastor Joaquim Mesquita, da Primeira Igreja Batista da Convenção em Assu.

Durante o evento, os representantes religiosos realizaram uma reflexão sobre o momento pascal representado pela partilha e o amor que Jesus teve com todos, o renascimento e a celebração a vida. Também foram entregues aos idosos ovos de Páscoa, produzidos numa ‘Oficina de Chocolate’ ministrada pela servidora da própria secretaria, Marli Suzete da Cunha Menezes.

A Casa do Idoso é um espaço dedicado à acolhida de pessoas acima dos 60 anos de idade. No espaço, ocorrem atividades gratuitas nas áreas da assistência social, educação, esportes, recreação, lazer e cultura. Os idosos recebem ainda refeições com cardápio orientado por uma nutricionista.

A prefeitura do Assu disponibiliza à população 3 unidades de casas do idoso, localizadas nos bairros Bela Vista, Dom Eliseu e Vertentes e, apoia outros grupos de idosos formados por voluntários na cidade.

No momento ocorrido na manhã desta quarta-feira (15), a secretária de Desenvolvimento Social e Habitação da prefeitura do Assú, Delkiza Cavalcante, reforçou o propósito da gestão do prefeito Ivan Júnior de ampliar as atividades e destacou que, como sempre, as casas do idoso continuarão como um espaço de acolhida humanitária e de realização de atividades que proporcionem uma melhor qualidade de vida para os participantes. “A intenção é que nossos idosos tenham um serviço de convivência social cada vez mais forte e que os idosos se sintam felizes e valorizados”, explicou.




Por Alderi Dantas, 16/04/2015 às 19:03 -  Fotos: Dedé Ramalho 

Henrique Alves é empossado ministro do Turismo

O ex-presidente da Câmara dos Deputados Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) tomou posse nesta quinta-feira (16) como novo ministro do Turismo em cerimônia no Palácio do Planalto. Ele assume a pasta no lugar de Vinícius Lages, afilhado político do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

Alves foi anunciado novo ministro da pasta nesta quarta (15), por meio de nota divulgada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência. Derrotado na eleição para governador do Rio Grande do Norte, ele era cotado para figurar no primeiro escalão do governo que tomou posse em 1º de janeiro, mas acabou ficando de fora.

O novo ministro, que foi deputado por 44 anos, teve o nome citado em acordo de delação premiada da Operação Lava Jato, mas o Ministério Público Federal entendeu que não há indícios suficientes para a abertura de inquérito para investigá-lo.

Por Alderi Dantas, 16/04/2015 às 18:38

Consumo de refrigerantes no Brasil cai 20% em seis anos

Os brasileiros consumiram 20% menos refrigerante nos últimos seis anos. É o que aponta a pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico de 2014, do Ministério da Saúde.

Entretanto, de acordo com a pesquisa, apesar da queda no consumo, 21 % dos entrevistados disseram que bebem refrigerante cinco vezes por semana.

A diretora de Vigilância e Promoção da Saúde do Ministério da Saúde, Deborah Malta, alerta para os riscos que o excesso de refrigerante traz para a saúde.

“Em geral, os refrigerantes têm grande adição de açúcar e isso pode levar riscos inerentes à saúde, tanto em relação à obesidade, ao diabetes, como também inúmeras doenças cardiovasculares. E, além disso, na sua forma dietética tem, além de inúmeros outros componentes, o teor de sal, que também produz doenças cardiovasculares com destaque para a hipertensão arterial”, destaca.

Por Alderi Dantas, 16/04/2015 às 13:39

15/04/15

Governo propõe salário mínimo de R$ 854 em janeiro de 2016

O governo estabeleceu o salário mínimo de R$ 854 no ano que vem. O valor consta do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias, enviado ao Congresso Nacional. Para 2017, o valor previsto é de R$ 900 e, para 2018, de R$ 961. O valor de 2016 é provisório e pode mudar. Isso porque a correção do mínimo do próximo ano tem como parâmetro o crescimento do Produto Interno Bruto de 2014 e a reposição de inflação de 2015. Em 2014, o PIB teve o menor crescimento dos últimos tempos: apenas 0,1%, o que não teria qualquer impacto na correção do mínimo. No entanto, a inflação poderá ultrapassar o teto da meta fixado pelo governo, que é de 6,5%.

O mínimo serve de base para a remuneração de 46 milhões de brasileiros.

Por Alderi Dantas, 15/04/2015 às 20:20

Cientistas internacionais reunidos em Natal buscam solução para enfrentar a Dengue

Um instrumento desenvolvido por pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) para ajudar a monitorar a presença do mosquito da dengue entre a população do Rio Grande do Norte (RN) é o chamariz da 3ª Reunião da Rede Internacional de Avaliação e Controle da Dengue. Ele se chama Observatório Nacional da Dengue, desenvolvido por duas equipes de pesquisadores - uma da UFRN, liderada pelo Prof Ricardo Valentim, e a outra, do estado, liderada pelo médico epidemiologista, Ion Andrade.

Em cinco dias, de 13 até o dia 17, vinte e dois cientistas de autoridades internacionais de cinco países (Brasil, Cuba, Venezuela, México e Peru) estão socializando no Hotel Praia Mar, em Natal, capital do estado, os avanços obtidos na identificação de áreas prioritárias para adoção de novas estratégias de controle da Dengue.

Há duas décadas e meia o aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, vem desafiado a saúde pública desses países onde a doença virou endemia. Assim, ao final do quinto dia de trabalho da Rede Internacional de Avaliação e Controle da Dengue, eles esperam compilar os avanços no combate à dengue nesses países; avaliar a eficiência das metas na análise dos riscos e do controle dengue e a efetividade do que está sendo feito no que diz respeito à doença, no contexto mundial. além de desenharem novos modelos de controle e combate a moléstia, analisar futuros riscos epidemiológicos e eleger novas estratégias para enfrentar a epidemia daqui pra frente.

Ao cumprimentar os 22 cientistas visitantes, a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz, caracterizou o Observatório Nacional da Dengue como uma das ações do Programa Estruturante Universidade Cidadã, do Plano de Ação da Gestão Ângela Paiva-Fátima Ximenes e disse que a universidade está preocupada em crescer envolvida com os problemas sociais do povo potiguar.

Por Alderi Dantas, 15/04/2015 às 06:20

Deputado Gustavo Fernandes defende regularização de terras do projeto “Baixo Açu”

O deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB-RN) defendeu, nesta terça-feira (14), a regularização das terras do projeto “Baixo Açu”, solicitada pelos empreendedores locais. Em reunião com o secretário estadual de Agricultura, Haroldo Osório; o diretor geral do IDIARN, Camilo Neto; e presidente da Associação do Distrito Irrigado do Baixo Açu, Guilherme Saldanha, o parlamentar prometeu engajamento a favor da aprovação do Projeto de Lei que garantirá seis mil hectares de terras - entre os municípios de Alto do Rodrigues, Afonso Bezerra e Ipanguaçu - para a agricultura.

O Projeto de Lei será encaminhado à Assembleia Legislativa pelo governo do estado. Com a conclusão da área de irrigação, é esperada a geração de novos empregos no Vale do Açu e adjacências. A intenção é revitalizar o segmento agrícola naquela região do estado.

“A aprovação deste projeto é um sonho antigo de toda a região do Vale do Açu. É uma luta de mais de 20 anos. Os agricultores terão a dignidade de terem suas terras regularizadas e poderão ainda conseguir crédito para ampliar os investimentos”, declarou Gustavo Fernandes.

Por Alderi Dantas, 15/04/2015 às 06:08

13/04/15

Pólo Assu da rede e-Tec oferta vagas remanescentes no curso técnico de Comércio Exterior

A Escola Agrícola de Jundiaí, Unidade Acadêmica de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio da Coordenação Geral do e-Tec/EAJ/UFRN abriu Edital de inscrição Nº 05/2015 para preenchimento de vagas remanescentes no Curso Técnico em Comércio Exterior ofertado na modalidade de Educação a Distância. Ao todo, são oferecidas 85 vagas distribuídas nos pólos de Macaíba, Ceará-Mirim, Monte Alegre, Vera Cruz e Assu.

As inscrições gratuitas podem ser realizadas até o dia 15 de abril na sede da coordenação de cada pólo. O pólo de Assu funciona na secretaria municipal de Desenvolvimento Social e Habitação (antiga AMVALE), no horário de 07 às 13 horas.

O edital está disponível no site da EAJ/UFRN (confira AQUI).

Por Alderi Dantas, 13/04/2015 às 21:52

Robinson Faria faz balanço dos seus 100 dias de gestão

Uma plateia composta por empresários e auxiliares de governo acompanhou nesta segunda-feira (13) um balanço dos 100 dias de gestão do Governador Robinson Faria durante a primeira edição de 2015 do evento RN em Foco, promovido pela Fecomércio. Na oportunidade, o chefe do Executivo Estadual renovou junto com a entidade o RN Vida, uma das iniciativas potiguares para o combate preventivo à droga entre os jovens. 

O governador exaltou o fortalecimento da cadeia produtiva do estado, e ressaltou a quebra de tabus para fazer o Rio Grande do Norte voltar a crescer. Medidas como a redução do ICMS incidente sobre o querosene de aviação, foi relembrada como um das medidas para tornar o RN novamente o principal destino turístico do Nordeste e um dos principais do Brasil. 

A redução no custeio das secretarias de Estado, com exceção das pastas da Segurança Pública, Educação e Saúde resultaram em uma economia de 30% desde janeiro deste ano. Parte disso está sendo utilizado, por exemplo, no pagamento das diárias operacionais para os policiais militares escalados para operações espalhadas pelo estado. 

Outra medida tomada foi a assinatura da ordem de serviço que garantirá que Natal seja a primeira capital 100% saneada do país. Para isso, o documento que legitima os serviços em todas as zonas de Natal foi assinado pelo ministro das Cidades Gilberto Kassab,durante agenda administrativa na capital potiguar em março último. 

Robinson Faria se comprometeu a não criar nenhum tributo durante a nossa gestão, garantindo que a indústria potiguar possa se programar e competir de igual para igual com as de fora.

Por Alderi Dantas, 13/04/2015 às 20:11 -  Foto: ASSECOM/RN 


MP-RN celebra TAC's com cerâmicas para reparação de danos causados ao meio ambiente

A Promotoria de Justiça da Comarca de Ipanguaçu (RN) celebrou quatro Termos de Ajustamento de Conduta (TAC) com três empresas cerâmicas atuantes na região da Comarca e um motorista que transportava lenha adquirida de forma ilegal.

A investigação identificou três cerâmicas que obtinham lenha ilegalmente, mantendo em seus depósitos 10st (metro estéreo) de lenha sem licença válida outorgada pela autoridade ambiental competente. Um dos Inquéritos Civis apurou ainda o transporte ilegal dessa lenha. Todos os investigados já haviam sido autuados pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente - IBAMA.

De acordo com o TAC, a reparação dos danos causados pela exploração ilegal de lenha consistirá no plantio de mudas e ainda na manutenção. Cada compromissário deverá adquirir, sob pena de multa, 20 mudas das espécies nativas catingueiras, pereiro, imburana, cumaru, moringa, angico, ou das frutíferas goiaba, caju, cajá, umbú-caja, além de 5 kg de adubo e 1 Kg de pó de rocha ou farinha de osso. Além do apoio do IFRN, a iniciativa do MP-RN contou ainda com o apoio do Município que disponibilizará área publica para a realização do plantio.

Em caso de descumprimento das Cláusulas dos TAC's celebrados, os compromissários deverão arcar com multa no valor de R$800,00 a ser paga sem prejuízo da obrigação de reparar o dano, bem como das sanções de natureza administrativa e criminal.

Por Alderi Dantas, 13/04/2015 às 13:39 -  Com inf. da asses. de comunicação do MP-RN - Foto: Jéssica Mafra 

12/04/15

ARTIGO

BREVE MEMÓRIA DA FREGUESIA DE SÃO JOÃO BATISTA DO ASSU

Por Celso da Silveira

Bem-aventurados os precursores desta região do Vale do Assu, que batizaram o núcleo populacional que originou a Freguesia, o Município e a Cidade, com o nome de Povoação de São João Batista da Ribeira do Assu, em 9 de Setembro de 1696. mantendo a mesma referencial do rio desse nome, em relação ao Reino de Portugal, a toda a Europa e ao Mundo, por cuja referencial todos sabiam, desde a Idade Média, da nossa existência no Mapa-Mundi.

São João Batista e o rio Assu são, portanto, pontos onde se assenta o equilíbrio entre as nascentes religiosa e social do nosso povo cristão. Foi pelo rio que começou a nossa colonização, a penetração ao interior desta parte do Brasil, pelo interesse econômico que a região despertava, desde a extração de madeiras à extração do sal, e aqui fizeram o assentamento das primeiras fazendas de gado e as primeiras charqueadas de carne, fundando povoados, vilas, cidades e para cá trazendo a Cruz de Cristo e a Sua Igreja, que chegou até nós, implantou-se, cresceu e até hoje, como no passado, tem a sua liderança seguida pelo povo.

E como surgiu esta Igreja de São João Batista que nos abriga, protege e orienta?

A criação da Freguesia é de 1726, por invocação de São João Batista, sendo a terceira instalada no Rio Grande do Norte, que teve por primeiro vigário o Padre Manoel de Mesquita e Silva. Mas, antes, em 1712, houve a doação de um terreno feita por Sebastião de Souza Jorge, cuja escritura foi lavrada no Cartório do Tabelião Sebastião Cardoso Batalha,em Natal. Em 1774, a 12 de setembro, Dona Clara Macedo, em casa do Reverendo Doutor Manoel Garcia do Amaral, assinou a escritura de uma segunda doação ao Padroeiro, constante de 75 braças, por trás da Matriz, com 15 braças de fundo para o Córrego. O pároco, na ocasião, era o Padre Sebastião Luiz da Costa Pereira e houve uma terceira doação, então de todo o território da cidade (Sítio Icu-Casa Forte) daí advindo o pagamento sobre o uso do chão, que corresponde ao Imposto Territorial (IPTU) que se cobra atualmente. Esta última doação foi feita em fevereiro de 1776. Era pároco da Freguesia, o Deão Frei Francisco de Sales Gurjão, e pela doadora, dona Clara Macedo, assinou o documento o Tenente Antônio Rodrigues Noia, a rogo, por ser a doadora cega.

De suas fundações até hoje, a Paróquia de São João Batista foi administrada por 49 párocos, a partir do Padre Manoel de Mesquita e Silva a este dedicado Padre Francisco Canindé dos Santos, que se encontra há 37 anos à frente dos destinos de nossa comunidade religiosa. Desses 49 servidores de Cristo, apenas seis eram asssuenses, em quase 300 anos. Alguns dos padres que aqui serviram projetaram-se enormemente no clero potiguar, como os Padres Félix Alves de Souza, Antônio Germano, Estevão Dantas, Calazans Pinheiro, Antônio Brilhante, José Neves, Joaquim Honório, Júlio Alves Bezerra, Raimundo Gurgel, Américo Simonetti, Padre Vigarinho – Antonio Freire de Carvalho – que é venerado em Caruaru, Pernambuco, tanto quanto o Padre João Maria em Natal.

Monsenhor Américo e o Vigarinho são assuenses ilustres.

A construção da Matriz é dada como iniciada em 15 de Julho de 1760, com a ajuda de índios mansos de Caicó ou do Apodi, mas há notícia de que em 1746 já havia um templo de madeira e barro. De 1850 a 1857, foi reconstruída inteiramente, conforme contrato entre o Juiz Dr. Luiz Gonzaga de Brito Guerra (depois, Barão do Assu) e o Cel. Manoel Lins Wanderley e tendo por testemunhas José Correia de Araújo Furtado, José Gomes de Amorim e Pedro Soares de Araújo, constante do revestimento das duas torres e construção da Capela do Senhor do Bonfim. A imagem de São João Batista foi doada pelo Coronel Wanderley, como era conhecido.

Em 1903 novos reparos foram feitos e a reconstrução do altar-mor pelo vigário Irineu Salles. Em 1906/1907, a abertura das arcadas laterais e o piso de mosaico, no vicariato do pároco Antônio Brilhante. Assim cada um deles colocou uma pedra na construção deste templo magnífico, como, por exemplo, o Monsenhor Júlio Alves Bezerra, que abriu os arcos laterais da capela do altar-mor, fez o forro de estuque e iniciou o Salão Paroquial, atual Sacristia, em 3 de agosto de 1939. O Padre Raimundo Gurgel, em 1942, construiu a calçada dos fundos, em escadarias.

Mais recentemente, de 1980 para cá, a Igreja Matriz de São João Batista passou por inúmeros melhoramentos, a saber:

1) descobrimento das portadas de pedra portuguesa e raspagem das grossas camadas de tinta das portas frontais;

2) instalação de ventiladores de teto, renovados em 1990;

3) piso de mármore da capela-mor, em 1990, com mármore doado por Carlinhos de Everton;

4) mesa da Eucaristia , em mármore, doada em parte pelo sr. Adriano, em 1970, substituindo a Mesa de madeira doada pela Silvan Móveis em 1970;

5) piso de mármore nas laterais do interior da igreja, doado por Carlinhos de Everton, em 1991;

6) piso de mármore da Nave Central, colocado em 1992 por Ismar Diógenes, ocasião em que se deu o descobrimento das soleiras das portas em pedra portuguesa;

7) reforma do teto nas laterais, feito em concerto armado e revisão do telhado e madeiramento;

8) pintura completa do interior da Igreja Matriz, em 1995, com altares (todos) pintados com tinta-ouro.

Esta é uma breve história da Freguesia de São João Batista da Ribeira do Assu, desde as nascentes aos nossos dias, mas que só será completa quando os pesquisadores acessarem aos arquivos da Igreja a partir da primeira missa, e passar revista nos documentos das Dioceses de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande, com paradas na Diocese de Mossoró e nos livros de registro da própria Paróquia local.

Ad perpetuam rei memoriam et Ad majorem Dei gloriam

---------

NOTA: Esta breve memória da Freguesia de São João Batista da Ribeira do Assu, foi resultado de pesquisa feita por Celso da Silveira, em maio/junho de 1996, especialmente para ser lida na homilia da noite de 22.06.96, na Festa do São João do Assu, a pedido do Cirurgião-Dentista Francisco das Chagas Pinheiro, presidente da Colônia Assuense em Natal. Consultadas obras de: Luiz da Câmara Cascudo, Nestor dos Santos Lima, Antônio Soares, Dr. Pedro Amorim, Antônio Fagundes, Ferreira Nobre, Vicente Lemos, Ezequiel F. Filho, Francisco Amorim, Walter Wanderley, Celso da Silveira.

Postado em 12/04/2015 às 21:00